sábado, 17 de novembro de 2012

Base, sempre aliada

Você pode ter a pele mais linda do mundo. Você pode ser a Gisele Bündchen. Mesmo assim, pessoa perfeita, a base fará a diferença na maquiagem. Não adianta. Uma maquiagem perfeita precisa de uma pele perfeita e isso a gente só consegue quando coloca este santo produto.

Eu era uma pessoa, antes do vício em beleza, claro, que pensava só em ter uma base e pronto. Só que aí eu comecei a querer testar várias e hoje a situação em casa é essa:


- Segunda Pele, da Contém 1G: essa base foi a salvação da minha vida. Já disse que a minha pele é oleosa então nada ficava muito natural, sem parecer que era reboco,sabem? Essa base não. A cobertura é ótima e o resultado é completamente natural. A pele fica sequinha por muuuuuuuito tempo. Comprei porque vi que uma editora de beleza, a Stephanie (o blog dela é o Chez Noelle ) recomendava muito. Resolvi experimentar. E adorei. Além da indicação da Stephanie, a Dra Vivi Yamada, dermato que me atende junto com a Carla Vidal, disse que eu precisava de algo bem leve para o dia-a-dia. Acho que essa é a base. 
O preço: R$75,00. 

- Studio Fix, da MAC: MAC é vida. Ou poderia ser o paraíso. Já pensou: você morre e acorda no céu, que é uma MAC gigantesca?  Fato é que a marca é responsável pelos produtos mais bacanas e comentados do planeta. E, sim, apesar de meio cara, vale cada centavo. Ah, sim, a base. Eu já conhecia o pó compacto da linha Studio Fix, mas a base não. Eu não comprei. Essa é resultado de uma troca de maquiagens que faço de vez em quando com a Carol, uma amiga minha. Veio na primeira leva da reciclagem entre amigas. Experimentei e amei. A cobertura dela é super alta, o que significa parecer um reboco se a sua mão for muito pesada, tipo a minha. Gosto de espalhar no rosto com um pincel e tirar o excesso com uma esponjinha. Fica mais natural. Recomendo para uma festa ou um evento. No dia-a-dia prefira algo mais levinho. 
O preço: R$139,00 no site da Sephora.

- Age Rewind, da Maybelline: Fiquei louca (de consumista) por essa base quando vi a propaganda na revista, dizendo que ela "apaga" as linhas de expressão. Fiquei louca (de raiva) quando comprei. Particularmente não vi diferença nenhuma, em nenhuma linha de expressão. Para completar, quando quis comprar, não achava em lugar nenhum. Achei na Renner, que vende algumas coisas de make, mas a moça não tinha nenhum tester, ou seja...comprei a cor no chute. Não sei, ainda, se seria mesmo a minha cor. Mas isso ainda não é o pior. O pior é que ela deixa a minha pele extremamente oleosa. Tipo brilhante, sabem? Um horror. 
Ela vem com uma esponjinha acoplada, o que eu achei que facilitaria a minha vida e poderia ser uma "base de bolsa", mas mesmo com essa esponja, para a cobertura ficar uniforme, preciso finalizar com uma outra esponjinha. Ou seja, nada prática. Não recomendo pra nada....
O preço: algo em torno de R$30,00.

- Healthy Mix, da Bourjois: Amor à primeira vista é o que define a nossa relação. Recebi duas amostras desta base na primeira edição da Glossy Box. Experimentei ao acaso e achei incrível. Ela é cheirosa, mas não enjoativa e por ser à base de frutas, trata a pele. O mais legal é que duas tonalidades casaram com a minha pele, 52 e 53. Gostei horrores. Recomendo muito. Não deixa a pele tão seca quanto à da Contém 1G, mas não me deixa brilhando em 3,2,1...
O preço: R$104,00 na Sephora, mas você encontra na Drogaria Iguatemi.

- The Skincare, da Shiseido: Confesso que conhecia a marca de nome, mas nunca tinha usado nenhum produto. A embalagem não me cativa muito, é sem cor, sem graça, sem nada. Mas o que tem dentro dela...ah....é tudo de bom. Ganhei a base da Carol, a mesma que me deu a MAC e na mesma "leva" da reciclagem. Testei em um dia que tinha uma reunião com a cliente/dermato e não levei bronca quando apareci toda maquiada. Um milagre, porque ela sempre me dá bronca quando apareço com muita coisa no rosto. Isso quer dizer que a base é boa. Passou pelo crivo de uma médica. Tem uma boa duração na pele. Gostei muito.
O preço: R$175,00

- Base Mineral, da Contém 1G: Não formei, sinceramente, a minha opinião. A base é em pó, então pra mim ela é muito mais um pó do que uma base. A cobertura dela, no dia que testei na loja, parecia incrível, mas acho que fui meio que levada pela empolgação. Ou então eu me confundi na explicação. Fato é que cheguei em casa e quando coloquei somente ela no rosto, me decepcionei. Achei que a minha pele ficaria super coberta, super perfeita, super capa de revista. Não é verdade. Isso não acontece. Assim como não acontece você sair da maternidade com a mesma barriga que saiu a Claudia Leitte. Comprovei isso também. Não culpo o produto. Ele é bom, acho eu. Uniformiza a pela, mas não dá a cobertura de uma base, nem das mais leves. Ela só dá uma "leve melhoradinha" na natureza.
O preço: R$82,00 no site da marca.
Conclusão: levando em conta o preço + o serviço, esqueçam essa daqui e comprem logo a Segunda Pele, da mesma marca.

E essas, pessoal bonito, são as minhas bases. E quais são as de vocês? Me contem.

Beijos!

Nenhum comentário: